MENSAGENS BÍBLICAS

 

******** HOME ******** ASSUNTOS ********

 

A salvação do homem através do sacrifício de Jesus Cristo

A natureza básica do homem foi afetada pelo pecado. Assim, ele está entregue às práticas desagradáveis aos olhos de Deus, como sentimentos perversos, prostituição, malícia, avareza, maldade, inveja, homicídio, contenda, engano, soberba, infidelidade nos contratos, sem misericórdia. Mas a mensagem do Evangelho está disponível a todos os homens para que conheçam a verdade e sejam libertos de todo o engano. A salvação procede de Deus e não do homem. Ela foi planejada por Deus, o Pai, consumada por Jesus Cristo, e aplicada por intermédio do Espírito Santo. Ela é um dom gratuito de Deus e compete ao homem aceitá-la pela fé em Jesus Cristo, porque somente Cristo pode salvar o pecador. A Bíblia diz em Atos 4.12: "Não há salvação em nenhum outro, pois, debaixo do céu não há nenhum outro nome dado aos homens pelo qual devamos ser salvos" (NVI). E ainda em 1 Timóteo 2.5: "Pois há um só Deus e um só mediador entre Deus e os homens: o homem Cristo Jesus" (NVI). Pelo sacrifício de Cristo na cruz em nosso lugar, somos reconciliados com Deus. Mas a fé que conduz à salvação requer um arrependimento sincero e total, seguido da aceitação de Jesus como Salvador pessoal, a confissão declarada desse ato e a obediência aos ensinamentos de Cristo. Em Romanos 10.9, 10 diz: "Se você confessar com a sua boca que Jesus é Senhor e crer em seu coração que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo. Pois com o coração se crê para justiça, e com a boca se confessa para salvação" (NVI).

Deus, o Pai, conduz o pecador a Cristo e o Espírito Santo convence o pecador do seu pecado, e fala-lhe ao coração, insistindo na sua decisão. O pecador aceita a Jesus e é regenerado pelo poder do Espírito Santo. Assim, o homem torna-se participante da natureza divina, o que o ajudará a fugir da corrupção e a buscar a santidade. O arrependimento envolve o reconhecimento do pecado, a tristeza pelo pecado e o abandono do pecado. A fé salvadora não é uma compreensão intelectual, mas um relacionamento pessoal com Deus; não é uma emoção, mas uma convicção interior; não se dirige a uma crença doutrinária, mas a uma pessoa, a Jesus Cristo; a fé é uma maneira de viver, evidenciada pelas obras na vida da pessoa.

Quem aceita a Jesus é justificado, isto é, é declarado isento de culpa diante de Deus, porque Cristo sofreu a penalidade dos nossos pecados. Portanto, justificação significa perdão dos pecados e a pessoa, segundo a lei de Deus, é considerada "digna" da salvação.

Quem aceita a Jesus também é regenerado, porque a regeneração é a natureza divina que passa a habitar no homem, mediante o poder do Espírito Santo, promovendo uma tansformação espiritual total do seu caráter, que o habilita a resistir ao pecado, a viver em retidão, a conhecer a Deus num relacionamento pessoal e a ter vida eterna.

Quem aceita a Jesus também é feito filho de Deus, e tem a presença interna do Espírito Santo, dirigindo-o e testificando em seu ser que ele é filho de Deus e, assim, obedece aos mandamentos do Pai. E quem é filho de Deus tem acesso direto e constante à presença de Deus.

Outro elemento que opera na salvação é a santificação, que não é a mesma coisa que perfeição, mas prosseguir no aperfeiçoamento do caráter cristão. O próprio apóstolo Paulo reconhecia que estava distante de ser perfeito, mas continuava a esforçar-se, seguindo o exemplo de Cristo, que é perfeito. Assim, Paulo diz em Filipenses 3.12: "Não que eu já tenha obtido tudo isso ou tenha sido aperfeiçoado, mas prossigo para alcançá-lo, pois para isso também fui alcançado por Cristo Jesus" (NVI).

Jesus veio com o propósito de reconciliar o homem com Deus. E todos são pecadores (Lucas 19.10 e Romanos 3.23, 24).

Os benefícios da morte sacrifical de Jesus Cristo tornam-se uma realidade somente para quem, pela fé, aceita a Jesus Cristo e seu sacrifício redentor em seu lugar, e o tem como seu único Senhor e Deus. A rejeição de Cristo traz consequências que a Bíblia relata assim em João 3.36: "Quem crê no Filho tem a vida eterna; já quem rejeita o Filho não verá a vida, mas a ira de Deus permanece sobre ele" (NVI). Portanto, Jesus Cristo é o único caminho para a salvação do homem.

 

******** ANTERIOR ******** ******** PRÓXIMA ********